sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Partilhando momentos mágicos...


Na minha turma tenho meninos de várias etnias. Uma delas é a cigana!

Tenho quatro meninos desta etnia, dois dos quais são crianças que foram retirados aos pais e que se encontram num centro de acolhimento. Os outros dois fazem uma vida perfeitamente normal, como é de esperar.

Destes dois, há um deles, o Paulo, que desde o início sempre se revelou como uma criança triste e distante.

Na minha sala a base de tudo são os afectos. As crianças sabem que se sentirem necessidade de um beijinho, de um abraço que as conforte, basta virem ao pé de mim, nem precisam pedir.

Às vezes acontecem até situações engraçadas. Há um menino ou menina que se lembra de vir ao pé de mim e dar-me um abraço e logo vêm mais dois ou três atrás. Não há por lá falta de carinho. Há deles até que às vezes tenho que chamar a atenção, que a professora não pode passar o tempo todo com eles pendurados ao pescoço ;O) e que têm que ir trabalhar. Tudo isto faz parte das nossas vivências do dia-a-dia.

Mas com o Paulo nunca foi assim. Mesmo quando à hora da entrada para a sala eu vou ao recinto onde brincam e os chamo para irem para dentro, todos eles correm para mim e fazem uma "saia" enorme de meninos à volta da minha cintura, o Paulo é o único menino que sempre se manteve afastado, não revelando à vontade para o fazer e eu também nunca lhe disse nada. Não querendo forçar nada...

Hoje à tarde, na sala de aula, estava eu virada de costas e ouvi atrás de mim:

-Professora!- virei-me e de repente senti um corpinho frágil coladinho ao meu apertando-me num abraço enorme...era o Paulo!

Na sala houve de repente um silêncio enorme...todos ficaram surpreendidos com a atitude dele...

Eu absolutamente sem palavras retribuí o abraço...

Ainda há momentos mágicos...
.
Beijinhos a todos e um excelente fim de semana!

15 comentários:

Eu Mesma! disse...

e as crianças têm essa magia....

Parisiense disse...

O mais puro e sentido abraço vem geralmente das crianças.

E essa deve ter muita falta de afectos.

Eu trabalho com deficientes e também temos momentos desses...que nunca esqueceremos e que nos fazem sentir humanos.

Beijokitas e boa semanita.

bono_poetry disse...

A SERIO GOSTO DE TI E TENHO INVEJA!es mesmo sortuda!

Zabour disse...

Eu Mesma:
Sim, pode dizer-se que vivo num mundo mágico :O)

Beijinhos

Zabour disse...

Parisiense:
fazem-nos sentir que o nosso trabalho e dedicação nunca é em vão.

Beijinhos amiga

Zabour disse...

Bono:
Idem para ti!És um querido, e sim, sou mesmo sortuda. Dir-se-ia que tirei o jackpot sem jogar :O)

Beijinhos

Sayuri disse...

Desafio no meu blog!

filha do administrador disse...

fantástico, ainda bem que há gente assim :)

muitos meninos precisam tanto desse abracinho

Anjo De Cor disse...

As crianças parecem anjos que nos fazem sorrir ;)
Beijinhos e envie-te um mail acerca da surpresa ;)

Chocolate disse...

Ai que coisa mais boa!

A vida é feita destes momentos tão bons!!!

bjs

Zabour disse...

Sayuri:
Ainda estou à procura das cartas ;O)

Beijo

Zabour disse...

Filha do administrador:
Olá, antes de mais sê bem vinda aqui ao burgo :O)

Pois é, acho que até nós adultos temos necessidade desses abraços, a mim pelo menos fazem-me imensa falta.

Beijokas e volta sempre

Zabour disse...

Anjo:

Já vi e tb já respondi.

Beijo , miga

Zabour disse...

Chocolate:
A vida é feita de momentos inesqueciveis...

Beijos

Bia disse...

Eu amo essa magia das crianças...

me visita la
http://biapalhaninha.blogspot.com/


bijo