quinta-feira, 23 de outubro de 2008

A diferença entre o pênise e o caraio!!!


Hoje estou a precisar rir um pouco, por isso uma amiga enviou-me esta anedota por mail.

"Duas amigas se encontraram num ponto de ônibus:

- E aí, Creuza, porque tu num foi ao pagodi onti?

- Pagodi? Qui pagodi qui nada, Craudete!
Eu ônti saí cum branco de fechá o cumercio!

- Tu saiu cum branco? Branco mermo?

- Tô falando, mulé!
O nome dele é Célio. O cara tá amarradão na minha figura!

- Me conta isso direito, Creuza!
Cumo foi qui tu arranjô essa préula?

- Tudo muito simpres, Craudete.
Eu ia passando pela rua, ele se agradou da minha pessoa, puxô cunversa e marcamo pra saí dinoite.

- E onde foi que tu se incontrô com ele?

- Sincontrei?
Tu tá doida?
O Célio foi me buscá em casa, que ele é um homi muito do fino!
Hora marcada! E veio me buscá de carro, minha nega!
Eu não deixei por menos e me enfeitei toda, naquele justinho pretinho e dorado.
Subi naquele tamanco vermeio e tasquei aqueles brinco pratiado que tu me deu!

- Creuza, tu divia tá um arrazo!
Aí cês foram fazê um lanche?

- E tu acha qui o Célio é homi di fazê lanche?
Fumo num belo dum restaurante na Zona Sul.
Cumi inté camarão, Craudete!

- Tô toda arripiada!
E depois, Creuza?

- Depois nós fumo dançá numa buati de crasse.
Tiramo aquele sarro!
Tomei até uísqui 12 ano!
Se esbardei!

- Qui inveja qui eu tô, mulé!
Minha Nossa Sora Parecida!
Depois oceis foram pro motel,é craro!

- Craro qui não!
Não fala bestera, Craudete!
É craro qui nós fumo pru apartamento dele!
Qui apê, mulé! Um luxo só!
Sabe daqueles sofá que afunda quando agente senta? Pois é!

- Deus seja louvado! E aí, Creuza?
Já tô ficando toda impipocada!

- Bom, aí nós cumeçamo a namorá. Beijo pra lá, beijo pra cá..
Fumo tirando a rôpa...
E aí ele pediu preu pegá o pênise dele!

- Péra aí, Creuza! Pênise ?
Qui diabo é isso?

- Pôrra, Craudete, como tu é inguinorante!

É o mesmo qui caraio, só que é mais branquinho, mais molinho e mais menor!!!"

Beijinhos a todos, gosto muito de vocês!

28 comentários:

NIH SILVA disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
massa!
penis de homem branco é?

osh q coisa...
esse aí tava sem moral mesmo!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

to dando pal aqui de rir!

beijooo!

GANDALF disse...

Pronto vou ali pintar-me de outra cor.....fiquei deprimido,loool.
Ainda bem que ja anda por ai um sorriso nesse rosto lindo.

beijinhos lindona

Felina disse...

ahuahauhauahuahauhauahuahauhau
não vou escrever nada pra poder rir mais um pouquinho...rs

Sua amiga deve realmente ter coseguido fazer vc dar umas boas risadas,acredito eu.

Não fica down não (se caso tiver)
simbora !!!!!! rs

beijinhos

' נємίммα мєиdσиçα ' disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
gostei!
os negão lendo isso fica cheio de moral, de marra! HAuHAUAhUA
Own comédiia ...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Parisiense disse...

Ahahahahahah.....nada melhor para acabar a semana que uma boa gargalhada.
Adorei.....valeu a pena.

Beijokitas e bom fim de semana

Fernanda(Brisa Feliz) disse...

ahahahahahahaahahhahaha

Adorei Creuza!!!

Linda sexta pra vc linda!

Nina disse...

lollollolhahahahahakkkkkkkk

Van disse...

LOOOOOOOOOOOOOOOL! isso é um esteriotipo!!! :-p tipo, homem branco não sabe pular (e, nã sei porque, mas sempre que me dá pra ver jogos da NBA, apercebo-me que não está de todo longe da verdade...LOOOOOOL, mas pronto, tem a ver com o tipo de basket que era jogado pelas equipas ditas brancas, do inicio do século XX e o tipo de basket que os globetrotters-os verdadeiros e originais!!! adoro-os!!!- imortalizaram)! =D mas teve piada, xim xenhora. Os bloggers mais branquinhos é que podem não achar piada looooooool! =D

Por falar nessas questões, ainda no outro dia (é sempre no outro dia) dei uma descasca numa das formandas porque à pergunta, porque é que existem pessoas com várias tonalidades de pele (andamos a estudar a pele e a melanina) me responde que é porque no país áfrica há pretos e na europa são todos branquelas...e que tem a ver com existirem várias raças! pô, fiquei-lhe com um pó...vai daí, expliquei-lhe, olha, comigo não usas esses termos, preto e branquela, porque a meu ver são ofensivos (riu-se...) e, como eu já expliquei um milhão de vezes, não existem raças humanas, se quiseres usa a palavra etnia, mas mesmo assim, no contexto em que estamos a falar, é mal usado. Resposta, ah, agora tá-me a chamar racista???? bôoooo...nem sei porque é que não a meti na rua...mas disse-lhe, ninguém te está a chamar racista, apenas ignorante... :-p (claro que não lhe disse por estas palavras, usei um floreado, para não provocar depressões na menina...aaaaarghhhhht que eu estou com esta malta pelos cabelos...).

Zabour disse...

Nih:
Ainda bem k te fiz rir.

Bjokas

Zabour disse...

Gandalf:
Qual quê? És lindo assim.

Bjokas

Zabour disse...

Felina:
Sim sem dúvida que me fez rir, ela é muito boa nisso ;)

Bjokas

Zabour disse...

Jemimma:
Pois, acho k sim, mas será que vai merecer a moral toda?

Bjokas

Zabour disse...

Parisiense:
Se te fez rir como fez a mim então já é muito bom.
Às vezes uma boa gargalhada alivia o peso k carregamos, não é?

Bjokas, linda. BFS

Zabour disse...

Brisa:
Doidona da Creuza, né?

Bjokas

Zabour disse...

Nina:
Tudo para te fazer rir.

Bjokas grandes

Zabour disse...

Van:
Pois, de atitudes preconceituosas eu já tenho o mestrado, infelizmente!
Como sou de cor (detesto este termo), eu própria já passei por algumas situações constrangedoras devido à ignorância de muitos.
Lembrei-me agora de uam situação passada, na universidade,com 2 colegas de curso que andavam sempre juntas, uma branca e uma negra. As línguas venenosas da turma chamavam-lhes "Chocolate branco e negro" por causa de uma publicidade da altura. Um dia, na aula de Inglês, com o meu querido teacher Keith, o tema racismo veio à baila. Não é k as venenosas se armaram em santinhas?Olha, passei-me e pús a "boca no trombone".
Sabes qual foi a resposta?
"Ai, não é para ofender!"
Ao que eu respondi: "Pois não, mas se fosse ctg eu gostava de saber se não ficavas ofendida!"
O meu professor levantou-se do lugar e começou a bater palmas, ali msm, no meio da aula.Fiquei estarrecida com aquele gesto.
Pretos, brancos, vermelhos, amarelos..."Todos diferentes, todos iguais!" Esse deve ser o lema de vida de todos os seres humanos, valorizar a diferença, mas tratarmos uns aos outros como semelhentes.

E dps se os negros são mais dotados em certas "coisas" as outras etnias (como dissseste e mt bem, pk o termo "raças" é para classificar animais irracionais) tb têm as suas coisas boas.

Beijo grande e bfs

Rafeiro Perfumado disse...

Espero que a última frase fosse para com os visitantes e nao para com o objecto de discussão no texto! :D

Beijocas!

Shelyak disse...

:))))

Zabour disse...

Shelyak:
;o)

Beijinho grande

Zabour disse...

Rauf:
Agora que falas nisso, hum...não sei! ;O)

Bjokas

Capriccio disse...

Uma anedota caliente,boa! Não conhecia.
Beijinhos :)

Zabour disse...

Capriccio:
Nem eu,eh,eh,eh...vivendo e aprendendo...;o)

Bjokas

Van disse...

Pois, imagino... :( mas, sabes que já tive uma experiencia de discriminação por causa da cor??? Tinha um amigo na praia, que era da cor do ébano mesmo (por acaso acho uma cor lindissima lol, tenho uma aluna que é assim, pele de ébano muito brilhante e tou sempre a olhar pá moça a pensar como é bonita loool). Vim a saber mais tarde que os pais dele não queriam que se desse connosco, por sermos brancos...a sério, fiquei mesmo chocada!
Mas de discriminação também percebo, infelizmente. ;-) A Safira explica-te (é para nao tar a deixar escrito no blogue lol, é pessoal)!!

Zabour disse...

Hum...Ok!Vives perto da Safira?
Qd lhe for fazer uma visita gostava de te conehcer.

Bjokas grandes

Van disse...

LOOL! :D não, sou algarvia quase de gema LOOL ;-) mas conheço a safirita, o rauf e a gata, virtualmente, há uns meses, mas andamos a ver se deixa de ser só virtual eheheh! Pessoalmente, conheço a tete :)))).

Zabour disse...

Van:
Qd vivia no Alentejo ia ao Algarve todos os verões. Adoro Portimão, Montegordo, Armação de Pêra...
Que saudades...

Bjokas

Van disse...

LOOOOL, pois olha, até aos 14 anos eu passava o mês de Agosto em Èvora, na casa dos meus avós paternos (que são da beira baixa; o meu avô materno é que é do alentejo, de messejana). Só que eles não nos deixavam ir a lado nenhum, a modos que tinhamos de estar sempre enfiadas em casa...aos 14 descobri os grupos na praia e comecei a recusar ir ao alentejo... =D que trauma!! =D

Sempre andei mais pela zona de Faro, Quarteira e Vilamoura, mas adoro Portimão e Alvor :)). Armação de Pera nem por isso, aquilo é uma confusão terrivel!

Zabour disse...

Van:
Vivi um ano em Évora. Fiz lá o meu 12ºano. Foi o início da minha independência, por isso guardo boas recordações. Mas eu vivia no Baixo Alentejo, em Moura, uma linda cidade com muitas raízes árabes.

Bjokas