quinta-feira, 26 de março de 2009

Desabafando...


Descobri, finalmente, que os médicos de família até podem ser uns queridos.
Isto, claro, se se tratar da minha médica, que ainda é novinha e que por consequência ainda não tem vícios e como tal preocupa-se com o bem estar dos seus pacientes, ao invés de os fazer esperar e desesperar quando aparecem os senhores da propaganda médica.
"Há quanto tempo não faz exames?"
"Hum...deixe ver! Não me lembro, mas já há algum tempo..."
"Ok, então vamos fazer um check up e assim ficamos descansadas!"
De maneira que tenho andado numa roda-viva a fazer de tudo um pouco. Ontem, tirar sangue :oP e quase desmaiar ao ver os 3 litros que me tiraram ;O) e que me ficaram a fazer falta.
Hoje, ai, hoje, doeu tanto, quais saliências, detentoras de puro deleite...ai...ai...ainda dói, irra...
"Já teve filhos?"
"Não!"
"Há problemas de cancro da mama na família?"
"Não!"
"Ah, é uma mama novinha, vai correr tudo bem!"
Miga, isso quer dizer que por isso tinhas que apertar tanto aquela m...?
Bolas, olha que isto não é de aço...
Em seguida, veio o Sô Tôr fazer a eco:
"Então, nasceu onde? ah, bons tempos, já lá estive! Conheço as tribos todas!"
"Hello! Sô Tôr, nem todos os macacos nasceram no meio da selva, dah!!!!!!"
Como se não bastasse, no fim, depois de limpar aquela mixórdia gelada daquele gel da minha pele macia e sedosa, hoje está a dar-me eu sei, ia eu pronta para ir embora, diz a secretária:
"O Sô Tôr pediu para esperar!"
Ia-me dando uma coisa, tive que me segurar à parede. É que eu tinha reparado que as outras manfias, vitimas...coitadas...assim que acabaram os exames tinham ido logo embora. Comecei logo a ver a minha vidinha toda a passar-me à frente...
"Olhe, é para lhe dizer que assim que puder tente ir lá à nossa terra. De resto tá tudo bem!"
Opá, digam lá que ele não merecia que eu o mandasse p'ró c...linho...
Dei-lhe o olhar 43, o sorriso 56 e saí de lá com um humor de cão.
Para relaxar, cheguei a casa e fui jardinar, um dos muitos prazeres que se pode ter quando se tem um jardim imenso para cuidar. Tenho umas tulipas maravilhosas que me trouxeram da Holanda, lindíssimas...
Bem, beijinhos e façam o favor de ser felizes...
.
Ah, e passem bem longe da máquina das mamografias! Amanhã, electrocardiograma, aquelas ventosas geladas, urght...nem vos digo o que vou fazer para a semana, mas tem a ver com partes baixas e tecidos moles,rsrsrs...;O)

10 comentários:

Sayuri disse...

Também já fiz uma mamografia, sem saber ao que ia... :s

Zabour disse...

Sayuri:
E não é a coisa mais horrivel que nos podem fazer?
Até parece qd a ginecologista diz:"Vá, agora descontraia!"
Oh, minha senhora, não tenho intimidade consigo, tem essa coisa enorme na mão e está a dizer-me para descontrair???Será que tb disseram isso à Joana D'Arc antes de a queimarem viva???
Valha-nos Deus...

Bjokas, miga

Linda disse...

Eu estou fartinha de as fazer... faço todos os anos e era um martírio, até que no ano passado encontrei uma menina que foi um doce e acredita se for bem feita não custa.
E dá graças por teres uma médica consciente que te manda fazer tudo,nem todos fazem o mesmo!
Vais ter uns resultados óptimos.

Beijinhos
Linda

GANDALF disse...

Pronto eu acho é que te queriam apalpar as mamas e não sabiam como,lool.
Agora sem brincadeira,acho muito bem que se façam esses exames,por muito incómodos que sejam;os seus resultados têm objectivos muito positivos e acima de tudo podem salvar,ja não digo a vida,mas uma parte psicológica muito importante na mulher.

beijos miga linda

Parisiense disse...

Mas mais vale prevenir que remediar, né......
Assim fcas com os exames todos e só voltas a fazer para o ano....ahahahahah

Mulher sofre!!!!!!!!!
Vá linda sê fleiz porque está tudo bem contigo....

Beijokitas e bom fim de semana.

Zabour disse...

Linda:
Sim, eu até fikei espantada. Foi a 1ª vez k sai "contente" de um Centro de Saúde. Se houvesse mais médicos assim , o sistema nacional de saúde estaria no bom caminho.

Bjokas

Zabour disse...

Gnadalf:
Opa, tás a ver se me engraxas, não é?
Batoteiro...ainda não me esqueci ;O)


Bjokas

Zabour disse...

Parisiense:
Sim, dps do susto fikei mt contente, nem imaginas qt...

Bjokas, miga

Vani disse...

Bem, mas vais ver q não vão encontrar nada. RElax. :) nunca fiz nenhuma mamografia,mas acho q esmurrava quem me magoasse....

Zabour disse...

Vani:
Pois...com a mama ali presa é dificil...e técnica sai a correr, deve ter noção do mal k faz, a parva...

Bjokas