domingo, 2 de novembro de 2008

Metam isto na "cabeça"



Aqui há tempos vi esta propaganda no blog da Brisa Feliz. Achei-o incrível!

Hoje uma colega enviou-mo por mail, achei que tinha a obrigação de o colocar aqui para que todos possamos reflectir sobre ele neste final de domingo.

Beijinhos a todos e boa semana ;o)

15 comentários:

Van disse...

I mai nadaaaaaaa!! é isso mesmo!!!!!! viver suficientemente tempo pra encontrar o sr certo (seja o que isso for, lol)!!!

Zabour disse...

Van:
Sim, embora por vezes nos pareça que esse dia nunca vai chegar. Eu própria cada vez acredito menos no "sr Certo", mas a esperança é sempre a última a morrer...esperemos.

Bjokas, lindona, boa semana.

P.S. Tenho a sensação k tou a chocar uma ganda gripe, era só o k me faltava :(

Parisiense disse...

Quanto mais procuramos menos encontramos......
Primeiro temos de nos encontrar a nós mesmos e saber o que realmente desejamos.....
" A nossa felicidade somos nós que a fazemos".......não podemos estar sempre a espera dos outros e a culpar terceiros.....
Eu aprendi isso com a vida e hoje sou uma pessoa feliz porque lutei para o ser e combato cada dia o que realmente não quero na minha vida.

Beijokitas e boa semana

Van disse...

Pois, zabour, esta mudança brusca de temperatura é propicia ás gripes...e parece que anda, ou pelo menos andou, por aí (no país todo!) uma epidemiazita de uma qq virose que deixou os doentes a derreterem-se todos na casa de banho! A minha prima e as colegas de casa andaram um dia com isso (e foi violento!), cá em baixo, no emprego do jóve, também, o mesmo...creduuuuuu.

Na verdade, não existe nenhum senhor certo. Existe apenas um ser humano ao qual, por alguma razão ou outra, nos ligamos. Mas é um ser humano, com qualidades e defeitos: um dia apetece-nos beijá-lo, no outro, espancá-lo, looool! Uma ligação dá uma trabalheira do caraças e é uma montanha russa emocional. O problema é que nem todos estão dispostos a embarcar nessa montanha russa e desistem à minima dificuldade.
E, parecendo que não, existe o timing certo. Há alturas da vida em que não estamos abertos a isso. Ou encontramos alguem que, naquele momento, não está.
Mas, um dia, podemos encontrar aquele que procura o mesmo que nós :). Mesmo que de vez em qd só apeteça dar-lhe umas bolachadas... LOOOOOL

Zabour disse...

Parisiense:
Oh, linda, eu espero um dia tb poder dizer com tanta certeza como tu que sou uma pessoa feliz. Acredita que estou a precisar sentir isso.

Beijo grande

Zabour disse...

Van:
É pá da chocadeira da gripe melhorei um pouco qd me disseram k amnhã tenho que ir a uma entrevista com a inspecção. As parvas das velhas fugiram com o rabo á seringa e deixaram a batata quente na mão da mais nova...Às tantas o inspector pediu foi uma cara laroca dps de ter visot tanta velha gorda e enrugada ;o)

Quanto ao outro assunto,acho k já me cansei de tentar procura o sr. Certo. para ser sincera acho k já nem quero encontrar. Já apanhei umas qts desilusões e por isso estou mt mais exigente e fria no k diz respeito a assuntos do coração.
Neste caso, especial, é mt complicado pk para além do "Sr. Certo" me ter desiluddido, temos 3000kms de distância a separar-nos, isso para não falar da religião e outras coisas mais.
Não sei se falas com a Safira no msn, se falares pede-lhe o meu e falamos melhor sobre isso. Aqui não dá.

Beijo grande

Parisiense disse...

Zabour,
Não peças muito e verás que afinal os pequenos contratempos da vida não são nada.... e que a vida está sempre presa por um fio que a qualquer altura pode quebrar......e aí, é que tu vês que há tanta coisa que nos faz feliz.... porque é que só vemos o que nos deixa infelizes!!!!!

Sim decidi ser feliz e fazer o que me dá prazer....mesmo que dê trabalho em consegui-lo.

E vê lá se mandas a gripe embora....ahahhaahh

Zabour disse...

Parisiense:
Mas eu até não peço muito, pk não tenho por hábito ser garganeira ;o)
Mas acho k até o pouco k me podia fazer feliz é cada vez mais inalcansável...e isso deixa-me triste...enfim, a esperança é a última a morrer, certo?

Bjokas

van disse...

Zabourita, volta e meia e queriam mesmo uma carita laroca! =)

Não desistas do amor, nina. Ele existe e anda por aí. Mas as desilusões são o pão nosso de cada dia...também tive muitas, mais fruto da inexperiencia e do idealismo que outra coisa. Mas olha, um dia ele apareceu, e já passaram 8 anitos. :)

Sim, falo com a safirita por todo o lado loooooooool! =D

Nina disse...

passei mesmo para deixar um beijinhos!!!!

Capriccio disse...

A Parisiense disse tudo.
A Zabour pode ser uma pessoa feliz, só que ainda não o sabe.
Beijinhos ;)

Zabour disse...

Van:
Pois, de relações duradouras eu tb percebo. Aliás acabei uma tb de 8 anos na última primavera...

Eu não desisto, nem deixo de acreditar no amor, tenho é pena que seja sempre tão complicado...sinto-me cansada, sabes?

Beijo grande

Zabour disse...

Nina:
Oi, desaparecida!Tudo bem ctg?
Beijinho para ti tb.

Zabour disse...

Capriccio:
Hum...Olha que eu até não sou de pedir muito. Sim, sinto-me feliz por ter saúde, amigos, emprego, carro, casa, os meus babes de 4 patas,2 asas e algumas barbatanas...mas há momentos em k sentimos a falta de algo mais.O ser humano é assim, insaciável...

Beijinhos

C3-PO disse...

A pessoa certa aparece quando menos se espera... mas é preciso estar "cá" para a conhecer!

***