segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Uma lição de vida


"Uma mulher regava o jardim da sua casa e viu três idosos com os seus anos de experiência em frente ao teu jardim.
Ela não os conhecia e disse-lhes:
-Penso que não vos conheço, mas devem ter fome. Por favor entrem na minha casa para que comam algo.
Eles perguntaram:
O homem da casa está ?
-Não, respondeu ela, não está.
-Então não podemos entrar, disseram eles.
Ao entardecer, quando o marido chegou, ela contou-lhe o sucedido.
-Então diz-lhes que já cheguei e convida-os a entrar.
A mulher saiu e convidou os homens a entrar na sua casa.
-Não podemos entrar numa casa os três juntos.- explicaram os velhos.
-Porquê?-quis saber ela.
Um dos homens apontou para outro dos seus amigos e explicou:
-O nome dele é Riqueza.
Depois apontou para o outro.
-O nome dele é Êxito e eu chamo-me Amor. Agora vai para dentro e decide com o teu marido qual de nós três desejam convidar para a vossa casa.
A mulher entrou em casa e contou ao seu marido o que eles lhe disseram.
O homem ficou muito feliz:

-Que bom !Já que é assim então convidemos a Riqueza, que entre e encha a nossa casa.
A sua esposa não estava de acordo:

-Querido, porque não convidamos o Êxito ?
A filha do casal estava a escutar da outra esquina da casa e veio a correr.
-Não seria melhor convidar o Amor ?O nosso lar ficaria então cheio de amor. Escutemos o conselho da nossa filha.- disse o esposo à sua mulher.
-Vai lá fora e convida o Amor para que seja nosso hóspede.
A esposa saiu e perguntou-lhes:

-Qual de vocês é o Amor ?Por favor entre e seja o nosso convidado.
O Amor sentou-se na sua cadeira e começou a avançar para a casa.Os outros 2 também se levantaram e seguiram-no.
Surpreendida, a mulher perguntou à Riqueza e ao Êxito:
-Eu só convidei o Amor, porque vêm vocês também ?
Os homens responderam juntos:
-Se tivesses convidado a Riqueza ou o Êxito os outros 2 permaneceriam cá fora, mas já que convidaste oAmor, aonde ele vá, nós vamos com ele.
Onde houver amor, há também riqueza e êxito."

20 comentários:

paula simoes disse...

olá Zabour

em tão poucas palavras um belo conto, grande lição de vida, aonde houver amor á de tudo

uma boa semana

beijinhos do tamanho do Mundo

Zabour disse...

Paula:
Sim, cada vez mais precisamos nos convencer k sem amor a humanidade não evolui. Amor pelo próximo, pelo trabalho, pela natureza, por tudo o k nos rodeia.

Beijo grande para ti e para o Nuno

Boa semana

Parisiense disse...

Concordo plenamente com essa frase Zabour.....Onde mora o amor.....
Eu dizia no outro dia "que o amor fazia milagres".....e é isso que eu penso.....onde há amor.....tudo o resto vem por acrescimo.

Uma verdadeira lição de vida.

Beijokitas cheias de amor...

Minhoca disse...

Que belo conto...o amor é o que nos leva para a fente, nos anima, nos torma mais optimistas, e encarando a vida de uma forma "de bem com a vida" o resto vem por acrescimo, gosto de acreditar que é mesmo assim:)

Foi um bonito momento

Bjs

Viajante disse...

Eu acredito piamente nisso :)

BJO

Joanissima disse...

Olá Zabour,

Vim aqui parar pelas referências do Viajante...

Gostei do teu blog e vou voltar mais vezes...

Quanto a este post em concreto é, de facto, uma história muito bonita e é a mais pura das verdades.
O essencial é cada vez mais invisível aos olhos e só se vê bem com o coração...

Um beijo

Zabour disse...

Parisiense:
Sabes o k lamento mais? É k as pessoas cada vez mais demonstrem receio em dizer a um amigo ou alguém especial o qt gostam dele.No outro dia na escola falava-se de uma colega, k eu até nem conheço, mas k pelos vistos é mt dada a afectos com os adultos e com as crianças. Eu revi-me naquela colega. É tão bom mostrar aos outros o qt gostamos deles sem temer a sua reacção.Abraçá-los, dizer "Gosto muiot de ti!"...temos lá na escola este ano um menino com hidro-cefalia( nasceu com liquído no cérebro), olha nem imaginas,é do género:"Eu sou um princípe e tu és a minha princesa!Gosto tanto de ti, professora!És tão bonita!"Olha é de vir as lágrimas aos olhos, será que é preciso nascer com uma deficiência para deitar cá para fora com a maior das inocências os nossos sentimentos?Espero bem k não...

GOSTO MUITO DE TI!!!!!!
BEIJO DO TAMANHO DA GALÁXIA ;o)

Zabour disse...

Minhoca:
Sim eu tb gosto de acreditar k o amor consegue dar à nossa vida todo o colorido k ela precisa.

Beijo ENOOOOOOOORME!!!!!

Zabour disse...

Vaijante:
Já somos dois...E espero k nunca deixemos de acreditar...

BEIJÃO SUPER, HIPER, MEGA P'RA TI!!!!

Zabour disse...

Joanissima:
Sê muito bem vinda ao burgo.Vinda dos lados do Viajante já te considero da familia ;O)
Vejo k tb acreditas na filosofia do Principezinho, para mim as suas palavras espelham a alma dos k têm bom coração.

Volta sempre!

Beijo grandão

Safira disse...

Concordo plenamente, embora não deixe de jogar no totoloto para ver se aumento a minha conta bancária. À conta do amor, não vou longe!
;)
Beijos

Zabour disse...

Safira:
Olha, eu cá tb vou continuar a jogar no euromillion, o amor realmente não enche a conta bancária nem alimenta, mas é caminho andado para tingir a felicidade...

Beijo grande

Van disse...

Já conhecia essa heheheh.

Ei, não sei se foi lapso ou propositado, mas saiu binito: q o amor é meio caminho andado para Tingir a felicidade =D.

Sabes,sempre achei q a felicidade não se atinge. Não é uma meta nem um objectivo...é um caminho!

Zabour disse...

Van:
hello,olha só vi o teu mail hj, aliás há bocadinho, mas já te respondi do meu private one ;O)
Sim ,concordo ctg é sem dúvida um caminho.

beijoca grande

Van disse...

=D já te fui responder =D

Zabour disse...

Van:
Já vi ;O)

Beijokas

Sorrisos em Alta disse...

Ainda bem que avisas. Assim, já não os convido! Um gajo estende uma mão e vêm logo três a tentar comer á pala!!!
Chulos!!!

;o)

Zabour disse...

Sorrisos:
Eh,eh,eh...podes crer.Xô, p'ra eles...

Bjokas

Eumesma disse...

Sem amor nada faz sentido, pode se ter mta riqueza, mtos amigos, um excelente trabalho, mas a falta de amor leva á solidão e a solidão não leva a lado nenhum..

So...adorei o texto, mais uma vez.

:-)

Bjs e boa semana

Ah, e bela escolha de musica, novamente.

Zabour disse...

Eumesma:
Obrigada, tanto elogio, já corei...

Bjokas